Aqui começa meu desespero

Aqui começa o meu desespero, não sei como cheguei até aqui mas sei que pior que isso não pode ficar, quero muito morrer mas o que ainda me mantem vivo acho que é chamado de esperança. Mas como esperança se eu não acredito em um futuro bom? O que eu vou fazer hoje de tarde? De noite? Minhas aulas acabaram não tenho mais porra nenhuma pra fazer. Essa cidade maldita me coroe por dentro, a cada começo de planos a vontade de me matar aos poucos é maior, acendo um cigarro, o único prazer que ainda tenho, mesmo sendo este apenas um prazer fictício criado pela nicotina e o alcatrão. Como mesmo o prazer de qualquer droga, ilusório, fictício, produto do meio em que vivemos. Nós homens, que deixamos de ser homens há tempos, não sei quando isso aconteceu, imagine eu já nasci nessa confusão e nos chamar de porcos capitalistas é uma ofensa ao animal que deve estar mais perdido nisso que nós mesmos. Beleza, vamos tomar antidepressivos e vamos tentar nos adequar ao meio. Adequação ao meio, uma qualidade do homem, mas que meio é esse vivermos atrás dessa merda de dinheiro para depois podermos chegar em nossas casas e continuar a bitolação ligando a nossa enorme tv, com a nossa comida semipronta e líquidos de cores totalmente estranhas a natureza. A natureza, falamos em terceira pessoa desta, porque já não faz mais parte de nós, ou nós não fazemos mais parte dela. Deixe que a vida siga seu rumo, você tem que nascer, crescer, se reproduzir e morrer. Onde está escrito ganhar dinheiro, ter o bem de consumo mais caro, ser escravo de leis e normas que você não acredita, que se encaixaram no verdadeiro significado da vida. Vamos todos morrer por nossas ações, como mudar isso? – Mudar o que ta louco moleque, é assim e acabou. Porque sempre foi assim e sempre será ou você tem que se adequar. Será que só eu penso assim, por isso sou um louco varrido, que de tempo em tempo vou preso por alguma coisa mais estranha que a outra. Abrir a mente é um caminho sem volta, felizes dos ignorantes que não sabem do que eu estou falando. Queria muito achar a brecha da quarta dimensão, voltar no tempo para ser um ser humano medíocre como você, seu pai, seu avó que não tiveram que se preocupar com isso pois nunca tiveram tempo para pensar nessas coisas estavam muito preocupados em aumentar a riqueza da família. Isso não é errado, não se esqueça o louco aqui sou eu, não quis ofender. Só não acredito que tenhamos vindo ao mundo por esse objetivo, somos todos servos de alguém. Mesmo de Deus, Buda, Ala, ou qualquer que seja a sua religião. Você já parou para pensar que a Igreja usava as palavras, inferno, perdão, entre outras para cobrar donativos de seus filiados, quando essa era o Estado maior. Hoje em dia não é muito diferente, use tal, coma tal, seja tal alguma propaganda lhe veio a mente? Formação de opinião? Você sabe o que isso quer dizer? Alguém que é um formador de opinião é alguém que lhe dá caminhos para pensar e achar que a idéia que ele quis te passar seja uma verdade absoluta, pelo menos pra você, que é normal. Talvez nem saiba mas na maioria das vezes não estão preocupados com isso, o importante é manter a calma e ser normal, consumir produtos industrializados que só fazem bem pro bolso de quem os produz. Claro que eu não sou um radical como poderia ser se eu quero andar pelado na rua? Rua? Asfalto? Uma verdadeira bagunça, você acha que um dia a água vai acabar? Vai sim mas eu não vou mais estar vivo pra ver e nem você e os seus filhos e amigos você não vai ouvir falar nisso só espero que meus netos ainda possam ir para a praia, possam sair de casa sem roupas especiais, mas foda-se o que eu tenho a ver com isso vamos continuar plantando, assoreando rios, devastando florestas, andando com os nossos veículos auto poluidores. Como viver sem carro? Sem celular? Pergunte pro seu pai como era viver sem celular ou internet. Alguns viveram essas mudanças, muitos se adaptaram ao meio. E muitos morreram sem saber como o homem poderia voar? Pessoas morriam de sífilis, que bom que a ciência evoluiu, mas parece que parou. E a cura dos males do nosso século doenças tão devastadoras, que nós mesmos criamos. Acredito que deva existir um porque, mas Deus escreve certo por linhas tortas. Deus é o presidente do mundo, o cara que mais tem dinheiro acho que ele ainda não assumiu a sua posição no céu, que deve ser sentado do lado de quem tiver mais armas contra nós tontos. Educação é uma coisa tão ridícula no mundo todo, é um sistema fazedor de consumidores, não querem que você saiba de nada. Pois quanto menos você souber, menos trabalho você dá. Eu fui pra lá e voltei, minhas experiências psicodélicas e transcendentais são indiscutíveis e inexplicáveis, vamos todos mentalizar um ponto na testa no meio das sobrancelhas, que bom alto conhecimento, controle corporal, e outras coisinhas mais. Você só consegue chegar a algum lugar quando você não tem mais nada, amor, dor, preconceito, se você não tem nada, tem tudo que quiser, deixar a cabeça vazia, será que assim conseguirei algo, não você só vai ficar mais louco, sem entender porque as coisas são como são e não tem como serem mudadas. Vou morrer sem que meus pensamentos sejam escutados, talvez morrer para que sejam levados em conta, tomando meus complexos vitamínicos e meus antidepressivos, que acho que não fazem mais efeito. Sou apenas algo que você criou.

alexandre_sizenali@hotmail.com

Por alexandre_sizenali em 17 Dez 2006 - 1:56am

Fonte: Coletivo Sabotagem

Nenhum comentário: